SÓCIOS/IMPRENSA

 

Secretaria Sede Social

Horário: 10h00 às 13h00
Contatos: 967 591 740 / 212 765 551
 

Secretaria Estádio

Horário: 10h00 às 13h e 14h30 às 20h00
Contatos: 967 591 734 / 212 594 154

PEDIDOS DE ACREDITAÇÃO PARA IMPRENSA

Enviar e-mail para:

acreditacoes@cdcpsad.com

ELEIÇÕES 12 MAIO - LISTAS E PROGRAMAS

➡️ LISTA A, encabeçada por Paulo Veiga

👉 ASSEMBLEIA GERAL
- Paulo Alberto Martins Vieira - Sócio 357 - Presidente
- José Maria Fernandes Guilherme - Sócio 417 - Vice-Presidente
- José Luís Fernandes Cardoso - Sócio 509 - Secretário

👉 DIRECÇÃO
- Paulo Jorge Ribeiro da Veiga - Sócio 558 - Presidente
- Luís Pinto Ribeiro - Sócio 320 - Vice-Presidente Administrativo 
- Jorge Martins de Lima Ramos - Sócio 552 - Vice-Presidente Tesoureiro 
- Armindo Venâncio - Sócio 5- Diretor Conselheiro/Provedor de Sócio
- Ana Queiroz - Sócio 561 - Diretora de Modalidades
- Bruno Pereira - Sócio 602 - Diretor
- Mário Sérgio Branco Martins - Sócio 475 - Diretor
- Jorge Torres - Sócio 566 - Diretor
- Carlos Lima - Sócio 567 - Diretor
- Nuno Miguel Nóbrega Batista - Sócio 623 - Diretor
- Paulo Alexandre Santos Rico - Sócio 461 - Diretor Comunicação/Marketing
- José Manuel Sousa - Sócio 576 -Diretor
- Mário da Silva - Sócio 932 - Diretor
- Adérito dos Santos Pinheiro - Sócio 448- Diretor
- José Martins - Sócio 74 - Director

👉 CONSELHO FISCAL
- Carlos Eugénio Raposo Gouveia Pinto - Sócio 234 - Presidente
- Maria João Granadeiro Pedras - Sócia 424 - Vice - Presidente
- Vitor Manuel Rodrigues Pereira - Sócio 942 - Secretário 
- Diogo Alexandre Pedras Velez - Sócio 615- Relator de Contas
- José Manuel Correia de Matos - Sócio 456 - Relator Contencioso

➡️”PROGRAMA DE AÇÃO PARA O BIÉNIO 2018-2020"
"CDCP EM MOVIMENTO"

Este grupo de associados uniu-se em prol do dever e do sentido de responsabilidade ao abraçar a continuidade da caminhada de sucesso do nosso Clube Desportivo da Cova da Piedade (se a vontade dos sócios assim o determinar em escrutínio), continuar a trabalhar e a definir com projetos e ideias bem definidos para elevar bem alto este grande Clube que é de todos nós.

Nesse sentido, este conjunto de associados com um misto de sócios de vários quadrantes profissionais e com sócios de grande notoriedade do nosso clube, onde temos a honra de incluir três ex-Presidentes a acrescentar ao atual, irão basear-se num programa estruturado e de grande empenho com o máximo rigor, competência e trabalho aliado ao desenvolvimento e à modernização do clube, mantendo um trajeto de sucesso que é reconhecimento de todos
os sócios e simpatizantes do Desportivo.
Partimos de premissas de ideais fortes e nesse sentido propomo-nos a:

- Manter, organizar e implementar novos procedimentos em todos os setores e Departamentos do Clube, de forma sustentada, oferecendo os meios e as ferramentas necessárias para que os mesmos consigam atingir os objetivos a que estes Órgão Sociais e esta
Direção de continuidade se propõe;

- Continuar numa procura exaustiva de reforço financeiro para desenvolver novos projetos com maior dimensão e visibilidade, mantendo a solidez financeira em que o CDCP se encontra neste momento, medidas estas que serão estabelecidas e devidamente acompanhadas por elementos ligados à área financeira e empresarial incluídas neste grupo de associados que agora se propõe a liderar o Clube para o próximo biénio;

- Um objetivo bem definido é a continuação de elevação do nosso "Desportivo" como uma entidade de referência na formação de elite pelo desenvolvimento desportivo e cultural nesta nossa cidade de Almada, fazendo que mantenhamos o reconhecimento generalizado pelo trabalho já efetuado, como a maior referencia representativa desportiva do concelho de Almada;

- Manter com a Câmara Municipal de Almada e a sua nova administração, e com União de Juntas de Freguesias, Clubes e Associativismo em geral, uma parceria contínua de sucesso apresentando projetos de parceria e mantendo a credibilidade de entendimento com essas entidades;

- Manter um diálogo aberto e com a Câmara Municipal de Almada mantendo um espírito empreendedor no que diz respeito às obras necessárias para a utilização e aprovação para participação nas provas profissionais de futebol do Estádio José Martins Vieira;

- Apresentar um projeto de alterações às dimensões do atual campo n^ 2 de relvado sintético à CMA de modo a permitir a sua homologação e licenciamento para competições nos campeonatos nacionais;

- Procurar locais e proceder a estudos financeiros para o inicio de uma construção de uma nova Academia de Futebol do Desportivo;

- Estudar a possibilidade de um contrato mais alargado através de uma nova figura jurídica que permita uma cedência do Estádio José Martins Vieira ao CDCP de uma forma mais abrangente, através de um novo entendimento junto da CMA.

- Manter e reforçar o relacionamento com Federação Portuguesa de Futebol, Associação Futebol de Setúbal com manifestação de total apoio e colaboração a futuros projetos e eventos das mesmas;

- Manter o compromisso de equilíbrio para que as relações institucionais entre a Direção do CDCP e a Administração da CDCP Futebol SAD se mantenham dignas, com respeito e objetivos comuns no plano desportivo e financeiro, não deixando de defender intransigentemente os direitos do Clube Desportivo da Cova da Piedade;

- Modernizar os serviços administrativos do CDCP, com implementação de meios tecnológicos adaptados às exigências dos tempos em que vivemos, de forma a que o Desporto vá ao encontro não apenas dos seus atuais associados mas também daqueles que potencialmente venham a juntar-se a nós, dinamizando e fazendo crescer uma instituição que já deixou de ser apenas do Concelho de Almada e se afirma cada vez mais no plano nacional;

- Relançar e implementar uma nova forma de aproveitamento de espaços no nosso estádio com uma visão de crescimento quer através de protocolos quer através de novas iniciativas no interior do nosso Clube por esta direção ou associados em geral;

- Aumentar o número de associados, iniciando uma campanha dinâmica para atingir os 2000 Associados até ao final do mandato;

- Adquirir um software de controle e pagamento de quotas para uma melhor gestão deste elemento tão importante para o clube;

- Efetuar obras de beneficiação no 2º piso do edifício da sede do clube;

- Promover bens e serviços alocados ao cartão de sócio de forma a beneficiar os atuais e os novos sócios com acordos com empresas interessadas para o efeito, utilizando também as nossas instalações para desporto e convívio;

- Criar uma comissão para fomentar o nascimento de uma "fundação" para os atletas e associados mais carenciados para que a sua integração seja mais fácil e adequada ao esforço físico e intelectual;

- Implementar um plano de angariação de publicidade quer no interior do estádio quer no exterior com os espaços cedidos pela CMA de modo a garantir uma maior valia financeira para o nosso clube;

- Implementar e promover um merchadising forte e agressivo dos nossos equipamentos e outros acessórios com a nossa imagem utilizando a Loja CDCP;

- Continuar a atualizar os estatutos, nomeadamente o Regulamento Geral Interno, por forma a dar resposta às atuais necessidades e interesses do Clube.

- Manter e incrementar uma mentalidade vencedora em todos os escalões e modalidades;

- Os Campeonatos Nacionais serão um caminho a permanecer e a engradecer o nosso historial, não pondo em causa a estabilidade financeira do clube, mas sim procurando um auto sustento ou uma forma equilibrada de gestão financeira na procura constante de soluções;

- A Formação vai manter-se como aposta fundamental para o nosso presente e futuro e ao respetivo desenvolvimento e crescimento sustentado, para garantir que o nosso clube continue a ser uma das maiores referências de formação de atletas do Distrito de Setúbal e de Portugal, ressuscitando a nossa formação CDCP;

- Manter a Certificação como "Entidade Formadora" designação homologada pela Federação Portuguesa de Portugal, cujos procedimentos de elevado grau de exigência marcará a diferença pela nossa organização de sucesso e diferenciadora entre clubes do nosso país;

- Manter o protocolo existente com a Clinica Lambert, que se mantem ao serviço dos nossos atletas e restante staff técnico;

- Manter os protocolos com o sistema escolar, preparatório e básico, para apresentação do projeto de formação CDCP, com a possibilidade de experiências dos seus educandos em treinos, conseguindo assim o CDCP recrutar novos talentos;

- Manter e engrandecer o Torneio Internacional de Futsal "Almada Futsal Cup";

- Participar no Campeonato Nacional de Futebol de Praia já a partir desta temporada onde nos encontramos inscritos, construindo equipas de vários escalões etários;

- Estudo e Projeção de um Torneio Internacional de Futebol nas camadas mais jovens durante o mandato;

- Continuação na dinamização de Novas Modalidades para o CDPC, tal como o Futsal, a Natação, o Futebol de Praia e outras que se encontram em fase de estudo quer infraestrutural quer financeira;

- Fomentar e incrementar a "GALA DO CLUBE DESPORTIVO COVA DA PIEDADE", todos os anos de forma a agraciar atletas, formadores, treinadores, diretores, alunos de mérito e outros cujo
esforço e dedicação sejam reconhecidas com uma distinção do DESPORTIVO e criando um dia em especial para toda a Família Piedense;

Estes serão seguramente os pilares da continuação de um projeto ambicioso, aliciante com desafios muito importantes e de uma longa caminhada, que se espera ganhadora e que o CLUBE DESPORTIVO COVA DA PIEDADE seja o que sempre foi “UM GRANDE DESPORTIVO"

___________________________________________________________

➡️ LISTA B, encabeçada por António Tavares

👉 Assembleia Geral
Presidente: Dr. Alcides Gomes Campos Pereira - (sócio n°592)
Vice-Presidente: Manuel Tavares Vasques - (Sócio n®350)
Secretário: Carlos Manuel Cunha Santos Câmara - (Sócio n°160)

👉 Concelho Fiscal:
Presidente: José Lourenço Félix Grosso (Sócio n°166)
Vice-Presidente: Fernando Viegas Bento (Sócio n°219)
Secretário: Manuel Caetano da Silva Borges (Sócio n°86)
Relator de Contas: Hélio Marques Pereira (Sócio n°386)
Relator de Contencioso: Vitor Manuel Adelino Leitão (Sócio n°844) -Alteração

👉 Direção:
Presidente: António Luís da Fonseca Tavares (Sócio n°573)
Vice-Presidente Fut. Juvenil: António José Marques Gouveia (Sócio n° 467)
Vice-Presidente Infraestruturas: Alberto Manuel (Sócio n°200)
Vice-Presidente Administrativo: Eugénio Tavares Cardoso (Sócio n° 414)
Vice-Presidente Tesoureiro: José Augusto Barata (Sócio n°717)
Diretor / Secretário: José Manuel Ferreira Gonçalves (Sócio n°588)
Diretor / Comunicação: Joaquim João Almeida dos Santos (Sócio n° 606)
Diretor / Relações Públicas: Carla Alexandra Parauta Silva (Sócio n°536)
Diretor / Modalidades: Joaquim Manuel Domingues Gomes (Sócio n°209)
Diretor / D.O Scouting: Adérito Manuel David Augusto (Sócio n° 559)
Diretor / D.O Scouting: José Vitorino Santos Costa (Sócio n° 440)
Diretor: Aparício José Lourenço Cidra (Sócio n° 427)
Diretor: Mário Lopes Augusto (Sócio n° 696)
Diretor: Manuel Humberto Couto Gomes (Sócio n°293)
Diretor: António Manuel Aires Correia da Silva (Sócio n°560)


➡️ Principais Medidas do Programa de Ação

Nota Prévia:

“A nossa direção vai pautar-se pela prestação de informação regular, verdadeira e transparente, para que a cada momento os Sócios conheçam claramente a realidade do Clube, e para que em consciência possam intervir sempre esclarecídamente, e da forma que considerarem mais adequada".

Os Sócios são o maior património do Clube e estarão sempre no centro de todas as estratégias e iniciativas.

Honraremos a nossa história e as nossas antigas glórias também através de
homenagens constantes às grandes figuras do Clube.

1® Garantir um Clube e uma SAD a uma só voz, com uma liderança clara e
inequívoca, com estruturas responsáveis e conhecedoras do Clube, do desporto e da gestão.

2® Reforçar as relações com a CMA na elaboração de protocolos que defendam melhor os interesses da situação atual do Clube.

3® Aproximarmo-nos dos centros de decisão e apresentarmos propostas efetivas e soluções construtivas a Direção da Associação Futebol de Setúbal para melhorar o futebol no Distrito de Setúbal.

4® Elaborar um projeto para a formação do clube para voltarmos a ter todas as equipas do futebol 11a disputar campeonatos nacionais e conseguir colocar todas as equipas de futebol 7 a disputar fases finais nos respetivos campeonatos.

5® Apostarmos na dignificação e num ADN mais eclético do nosso Clube, reforçando os apoios as modalidade que o clube possui atualmente e tentando fazer regressar outras.

6® Reforçar a informação aos sócios, através das plataformas digitais, que tem tido um crescimento exponencial como é o caso do Facebook.

7® Internamente e ao nível organizativo, vamos ter rigor financeiro e especial atenção, aqueles que diariamente e tantas vezes de forma anónima contribuem para o funcionamento do Clube.

As principais medidas que aqui vos deixamos, com a nossa disponibilidade para orientar os destinos do Clube nos próximos dois anos, é aquele que, no atual contexto, entendemos ser o que melhor serve, os interesses do Clube Desportivo Cova da Piedade.